A tão só 11 dias da possível bifurcação da rede Bitcoin, os grupos de mineração estão tomando ações no bloco em apoio á Proposta para Melhorar Bitcoin #91(BIP91, por as suas siglas em inglês), alcançando um 86,8% de aprovação com a adição de CKPool, GBMinersPool, SlushPool e F2Pool.

Com a aprovação do código BIP91 a ativação da proposta de escalabilidade SegWitx2 poderia evitar a Bifurcação suave ativada por os usuários (UASF). Este panorama tem boas possibilidades á menos de duas semanas da data limite para a temida criação de dois blockchains na rede Bitcoin, por o qual tem alertado as casas de câmbio no ecossistema e impacto fortemente ao mercado de criptomoedas.

Até agora, esta adição ao apoio do BIP91 representa a superação da porcentagem de 80% do poder hash necessário para ativar o código do que depende o destino da rede Bitcoin. O anúncio foi fornecido em redes sociais por atores reconhecidos no ecossistema:

 

Com o apoio dos três grupos de mineração, só faz falta 29 blocos a serem minados com BIP91 de os 336 necessários para ativar o código. Com um total de 82% dos blocos já minados, a proximidade de um consenso na rede para evitar a UAHF lhe dará sossego aos usuários da rede que permanecem à espera de um consenso para poder prever o futuro da primeira criptomoeda.

Até ao momento, a ativação da proposta criada no Acordo de Nova York conta com o apoio dos grandes grupos de mineração de China como OKCoin, Huobi, BTCCPool e Bitmain. É preciso lembrar que a escalabilidade aumentará o tamanho dos blocos na blockchain á 2MB, e estará disponível para ser ativada a partir de amanhã  21 de Julho, até o 29 deste mês.

 

Traduzido de: CriptoNoticias