De acordo com The Hindu Business Line, a Câmara de Comércio e Indústria do Progresso, Harmonia e Desenvolvimento da Índia (PHDCCI) reuniu-se recentemente para promover o debate sobre o uso de bitcoin no país.

Neste sentido, o presidente de tão importante entidade comercial, Gopal Jiwarajka, declarou a dito meio que “Os bitcoins são uma ferramenta potencial para impulsionar a economia digital, mas agora estão cheios de altos riscos”.  Do mesmo modo, também assinalou que qualquer método que não esteja sujeito a um quadro legal que o regulem não deveria ser respaldado.

Assim mesmo, Jiwarajka, desde a sua posição como presidente da PHDCCI, instou ao Banco da Reserva de India (RBI), principal entidade bancaria naquela nação, a prestar-lhe atenção á o bitcoin, já que poderia tornar-se numa valiosa ferramenta para promover a economia digital, sempre e quando seja sob um quadro que regule as transações com dito criptoativo da plataforma Bitcoin.

“A tecnologia das criptomoedas ou seu conceito nos ajudará a passar á um sistema de transações digitais seguras de baixo custo ou continuará sendo um instrumento de inversão especulativa. Esse é o debate que estamos colocando sobre a mesa hoje e o RBI precisa estudar isso.” Disse Jiwarajka ao The Hindu Business Line.

Por outra parte, de acordo com India’s Largest Independent Newswire, na mencionada reunião se apresentou os resultados de um inquérito realizado a 223 representantes do setor da indústria indiana, para aprofundar em quanto às perspectivas que se manejam em torno ao uso do bitcoin na Índia. Deste inquérito, se obteve que nenhum dos inquiridos utilizava bitcoin em os seus negócios.  No entanto, cerca de 97% manifestou-se estar consciente da criptomoeda, mas não dos seus mecanismos.

Outro dos resultados obtidos, foi que o principal obstáculo para aceitar bitcoin pelo setor comercial na Índia é a segurança e regulação das transações.

 

 

A eliminação dos riscos e o estabelecimento de um mecanismo regulador poderiam tornar esta opção em uma opção viável para promovê-la como moeda digital no país.

Gopal Jiwarajka

Presidente, PHDCCI

Este não é um único debate. Agora mesmo, em vários países, está sendo discutida a regulação mais adequada para as criptomoedas e blockchain. Grande exemplo disso tem sido os Estados Unidos, cuja Comissão de mercado de ações (SEC) publicou recentemente um estudo para determinar o status legal de criptoativos no país.

 

Traduzido de: CriptoNoticias