SatoshiLabs e a Fundação NEM anunciam a integração de Trezor para a Blockchain de NEM e sua criptomoeda XEM na NanoWallet de NEM.

O anúncio se publicou nos blogs oficiais tanto de NEM como de SatoshiLabs há algumas horas. A integração do Trezor á NEM NanoWallet permite aos usuários proteger seus criptoativos de NEM com a ajuda da primeira carteira de hardware da criptomoeda.

Ademais da criptomoeda XEM, Trezor também suportará todos os tokens criados na blockchain  de NEM, junto com o resto dos criptoativos que já suporta. Para este momento, se assinalam no anúncio de NEM, outros criptoativos compatíveis são: dois ativos para DIMCOIN, dois ativos integrados com o jogo PacNem e um ativo para o projeto Breeze.

Algumas das vantagens de Trezor para os criptoativos de NEM- ou criptoativos em geral- é que nunca se filtram dados confidenciais ao computador quando se conecta o dispositivo, portanto se o computador tivesse vírus, os criptoativos NEM seguiriam estando seguros.

O motivo da integração de Trezor á NanoWallet de NEM surge de que os usuários e investidores da plataforma desejam maior segurança no armazenamento e manipulação de seus criptoativos; por isso NEM considerou que SatoshiLabs poderia oferecer esse nível de segurança que já oferecem nas carteiras frias Trezor.

Em relação, o presidente da Fundação NEM, Lon Wong, comentou: “Confiamos em que nossa integração com Trezor fornecerá uma segurança melhorada na que o ecossistema de NEM pode seguir crescendo”. Pelo seu lado, o CEO de SatoshiLabs, Marek Palatinus, acrescentou:

Muitos investidores, comerciantes e usuários das criptomoedas exigem a segurança que oferece Trezor. Temos o prazer de colaborar com NEM para oferecer á comunidade mais opções no que respeita á segurança da carteira.

Marek Palatinus

CEO, SatoshiLabs

COMO SE USA?

Por outra parte, o anúncio de Trezor inclui instruções para utilizar a nova integração. Em primeiro lugar, o usuário deverá assegurar-se de que seu dispositivo já corre a versão de firmware 1.6.0 e logo deverá descarregar Nano Wallet para seu sistema operativo ou explorador. Ao ser recebido pela interfase de NanoWallet, o usuário terá que fazer clique no canto superior direito e fazer login com Trezor.  Em seguida, deverá confirmar a exportação do endereço NEM e desbloquear o dispositivo com seu PIN e a frase de senha.

Adicionalmente, para fazer os envios, o usuário deve fazer clique no botão “enviar” e preencher todos os campos, e dar enviar novamente. A transação e os dados desta se poderão verificar no dispositivo. Finalmente, depois de ter verificado os dados e ter certeza, só fica dar-lhe a confirmar já a transação terá sido envida. Igualmente, na página de NanoWallet se encontram as instruções em extensão e as funções mais avançadas.

Convém destacar que já NEM teria anunciado uma aplicação para sua carteira o mês passado, esta para fornecer segurança, proteção contra ataques cibernéticos e semelhança com uma carteira fria precisava dois dispositivos.  Enquanto que Trezor, com a Trezor Model T já anunciava o suporte para NEM, e outras criptomoedas como litecoin, ether, Dash, Ethereum Classic e ZEC.

 

Traduzido de: CriptoNoticias