As carteiras de Bitcoin são programas informáticos. Em o mais básico, cada carteira está composta por chaves públicas e chaves privadas. Esta última, é extremamente importante já que quem a tenha, tem o controle do moedeiro ao que está associado.  Tendo em conta o critico desta caraterística, existe uma pagina web que poderia ter registrada cada chave privada em um domínio publico.

Existem muitos tipos de carteiras bitcoin, os quais permitem o registo dos estados de conta e a gestão de criptoativos na rede Bitcoin. As chaves públicas são as que permitem receber fundos á carteira e as quais se designam geralmente “Bitcoin address”, em contrapartida, as chaves privadas são as que determinam quantos bitcoins tem um usuário e permitem retirar fundos de um moedeiro. Estas sempre estão ocultas em os moedeiros por razoes de segurança. Se um usuário chega a perder a chave privada de seu moedeiro de bitcoins, ninguém poderá ter acesso a ele de novo.

Em vista disso, se pode entender o importante que são as chaves privadas, se alguém possui as chaves privadas de tua conta, tem o total controle de teus bitcoins, como é o caso das hot wallets ou carteiras online, onde a pagina que presta o serviço tem o controle dos bitcoins de cada usuário. Agora a pagina DirectoryIO mostra todas as possíveis chaves privadas que poderiam existir na rede Bitcoin, o qual realmente não é uma falha de segurança da rede por a que puderam subtrair o balance de bitcoins de um usuário; a existência deste listado provém de uma piada realizada por o usuário fiveturns no 2013 por a rede Reddit para demonstrar de uma forma jocosa o robusto da segurança da mesma rede.

Dito usuário publicou seu trabalho com um titulo que pode traduzir-se da seguinte maneira “Todas as chaves privadas de bitcoin se filtraram!” desde essa publicação de Reddit qualquer pessoa podia dirigir-se á pagina onde está o listado.

Nesse momento, a piada causou bastante agitação, mas em seguida ele mesmo esclareceu as dúvidas em torno ao listado ao explicar em que consiste seu sitio web. Esta não é uma base de dados, simplesmente faz cálculos matemáticos em uma escala inferior aos cálculos que realiza a rede Bitcoin para á criação das chaves privadas, como explica o usuário em sua pagina. Baseia-se no numero de paginas que você está visualizando e lhe dá como resultado 128 chaves distintas em cada uma. Nenhuma das chaves está ligada a uma carteira real e em caso que exista uma coincidência, qualquer ousado tem que procura-la entre as 904.625.697.166.532.776.746.648.320.380.374.280.100.293.470.930.272.690.489.102.837.043.110.636.675 de cada uma das paginas onde há 128 chaves distintas.

Apesar de que vários usuários tentaram provar as chaves privadas, certamente desistiram ao pouco tempo, assim como outros que realmente pensaram que era certa a publicação e para o momento o associaram com uma caída do preço de bitcoin. Ainda assim, nenhum usuário até o dia de hoje reportou o roubo dos fundos de seu moedeiro de maneira supressiva.

Tanto o autor como vários usuários tomaram esta “piada” como uma maneira de demonstrar o quão seguro é a rede Bitcoin, ao ponto que vários fizeram seus cálculos e fizeram comentários como o seguinte:

Se usares o planeta inteiro como um disco duro, armazenando 1 byte por átomo, utilizando estrelas como combustível e provando cerca de 1 trilhão de chaves por segundo, você precisaria de 37 octilhões de planetas terras para salvá-las e 237 bilhões de soles para dar-lhe energia ao artefato capaz de faze-lo, o qual tudo isto te poderia tomar 3,67 octodecilhões de anos.

PSBlake

Outros foram mais precisos ao dizer “Ganhar a loteria 5 vezes e que cai-a 7 vezes um raio é mais provável que hackear Bitcoin”, caraterística que até o dia de hoje é uma das mais importante que lhe dão seu valor atual.

 

Traduzido de: CriptoNoticias.